• Home

Panathlon Clube de Lisboa - Integridade e manipulação de resultados (Erasmus+)

Sessão mensal do Panathlon Clube de Lisboa de 21 de março 2024

Decorreu no passado dia 21 de março de 2024, na Sala de Troféus do Ginásio Clube Português, a sessão mensal do Panathlon Clube de Lisboa (PCL). O PCL tomou a iniciativa de Aceitar o pedido de contribuição lançada pelo Panathlon Internacional (PI) a todos os seus Clubes,  e que tinha como objetivo a discussão e disseminação do Projeto Erasmus+ “Sport Against Match Fixing (SAMF)”. O Projeto SAMF tem como pano de fundo o tema da prevenção da manipulação de competições, que dada a sua importância tem, recorrentemente, sido tratado pelo PCL. 

Foram vários os sócios, convidados e interessados a encherem a sala, esgotando os lugares disponíveis. A sessão contou, também, com uma forte presença online e já consta no canal YouTube do PCL, por forma a poder ser recuperado por quem não tenha tido a possibilidade de assistir ou que queira rever a sessão.

A sessão começou à hora prevista e foi aberta pelo Presidente do PCL, Eng. Mário Almeida, que explicou o propósito, bem como a importância que este tema tem para o PCL. Aproveitou, ainda, para referir outras atividades do PCL em preparação, tais como a próxima edição do Ética Summit.

Depois da abertura do Presidente, seguiu-se uma apresentação do Vice-presidente do PCL, Fábio Figueiras, que integra, em representação do Panathlon Internacional (PI), o Projeto Erasmus+ “Sport Against Match-Fixing (SAMF)”, e que partilhou com os presentes os objetivos do Projeto SAMF, bem como os resultados obtidos. Assim, foram, por exemplo, divulgados os documentos que o Consórcio SAMF, composto pelo Panathlon Internacional, Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Federação Europeia de Basquetebol (FIBA Europa), Associação de Futebol de Malta, Sport Evolution Aliance (SEA), Federação de Futebol da Lituânia e EUNIK, produziu ao longo dos últimos dois anos, bem como a disseminação internacional que tem sido feito pelo PI e pelos Embaixadores que para o efeito nomeou.

Dos documentos produzidos, Fábio Figueiras destacou, por exemplo, a Banda Desenhada, que foi também distribuída por todos os que estavam presentes na Sala, bem como o jogo SAMF, os posters e as entrevistas com jogadores que decidiram dar o seu testemunho.

Finda a apresentação, entrou-se numa mesa-redonda de debate, liderada por Diogo Guia e que contou com a participação de Rute Soares (Coordenadora do Projeto SAMF pelo FPF), Thiago Santos (Investigador do Projeto SAMF pela SEA), Fábio Figueiras (Co-Project Manager do Projeto SAMF pelo PI) e João Paulo Almeida (Diretor Geral do Comité Olímpico Portugal). 

No decurso da mesa-redonda de debate, foram os participantes desafiados pelo moderador Diogo Guia para providenciarem as suas opiniões com respeito ao problema das competições desportivas, tendo ainda havido a possibilidade de dissecar alguns dos resultados do Projeto SAMF. 

Serviu, ainda, a mesa-redonda de debate para os participantes partilharem as suas preocupações com respeito ao tema em discussão. 

Por fim, foi aberto o período de questões e respostas ao público presente, tendo depois a sessão sido encerrada pelo Presidente, Eng. Mário Almeida.

Fábio Figueiras

 

           

 

 

Panathlon International

Fondazione D.Chiesa